Notícias

Assistência Social participa das temáticas propostas na Conferência Estadual da Pessoa Idosa

A equipe técnica do Cras e Creas, juntamente com as pessoas escolhidas para representar Pato Bragado na 7ª Conferência Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa, encerram na tarde de hoje (26), a participação na programação que, nessa edição, foi realizada de forma virtual, em razão da pandemia de Covid-19.

O evento iniciou na segunda-feira (23), com transmissão pela Secretaria da Justiça, Família e Trabalho (Sejuf) e pelo Conselho Estadual dos Direitos do Idoso do Paraná (Cedi/PR).

Assim como em Pato Bragado, todos os municípios do Paraná interagiram virtualmente. O tema geral “Os Desafios de Envelhecer no Século 21 e o papel das Políticas Públicas”, proporcionou a reflexão, o debate, apresentação e votação de propostas voltadas para a garantia e defesa dos direitos da pessoa idosa e que serão levadas à Conferência Nacional.  

Foram debatidos sete eixos com suas temáticas:

Eixo 1: Direitos fundamentais na construção/efetivação das políticas públicas de Saúde;

Eixo 2: Direitos fundamentais na construção/efetivação das políticas públicas de Assistência Social e Previdência;

Eixo 3: Direitos fundamentais na construção/efetivação das políticas públicas de Moradia e Transporte;

Eixo 4: Direitos fundamentais na construção/efetivação das políticas públicas de Cultura, Esporte e Lazer;

Eixo 5: Educação: assegurando direitos e emancipação humana;

Eixo 6: Enfrentamento da Violação dos Direitos Humanos da Pessoa Idosa;

Eixo 7: Os Conselhos de Direitos: seu papel na efetivação do controle social na geração e implementação das políticas públicas.

Também foram apresentadas as políticas públicas promovidas pela União, Estado e Municípios; medidas para o fortalecimento dos conselhos de direitos da pessoa idosa na efetivação dos direitos fundamentais e também a avaliação do 1º Plano Estadual dos Direitos da Pessoa Idosa.